Archive for 3 de janeiro de 2009

h1

O verdadeiro amor incondicional

03/01/2009

marley
Um cão (ou um gato) não precisa de carros modernos, palacetes, roupas de grife, viagens ao redor do mundo, jóias, eletrônicos de última geração ou qualquer coisa que mostre seu status.

Um cão não se importa se vc é rico ou pobre, educado ou analfabeto, inteligente ou burro, conhece 15 países ou nunca saiu da sua cidade.

Se vc lhe der seu coração, ele lhe dará o dele.

Quem realmente te faz sentir extraordinário? As pessoas ao seu redor que dizem te amar ou quem realmente lhe tem amor incondicional?

“Para um cão basta um graveto e um pouco de carinho, que ele nunca vai se importar se o dono é bonito ou feio, rico ou pobre. A felicidade, para um cachorro, é algo muito simples.”caminho

John Grogan – Marley e eu


Assim devia ser para nós, humanos. Os ditos “racionais” e “inteligentes”. Devíamos amar, simplesmente porque gostamos da copanhia da outra pessoa… Ok… eu acho q os cães são meio dependentes mas… É por isso que eu prefiro os gatos.

h1

Fins e recomeços

03/01/2009

sol

Em 2009, explode tua alma forte, entre os fracos de espírito.
Pega tuas pedras da vida e constrói teus castelos, usando-as como sonhos.
Busca quem amas. Ama e Perdoa. E perdoa novamente, incessadamente.

Saibas que as tuas mais profundas mentiras, serão as tuas maiores verdades.
Levanta a bandeira do amor. E demarca agigantadamente, teu território.
Perca todas as suas batalhas. Mas ganhe na guerra final, a honra da coragem.

Tenha de forma infinita, o poder de ser. Mas antes, acredites que és.
Faça valer a pena todo recomeço. E recomeçando, realiza a tua mais bela história.
Ligue suas luzes, todas elas. Ilumina de paixão e alegria qualquer coração perto de ti.

Inspire a vida. Não respire a dor. Pois é com amor, que o sorriso se propaga.
Liberta a tua alma. Respeite antes de tudo, a sua íntegra e mais pura essência.
Por fim, esgota a fartura dos teus antigos ódios e mágoas, renascendo a alma.

Enfim, convence-te de vez que tudo na vida, começa, existe e termina. E começa..
O tempo é real. Se eternizares tuas desgastadas sombras e lendas,
Lembra que nem mesmo tu, escaparás a ser uma tardia e triste ilusão.

E presta atenção, antes de apontar ao horizonte os erros alheios.
Olhe de forma sábia para dentro de ti. Reflete, e resguarda teu julgamento.
Observa e reaprende, sobre as tuas mais sinceras ponderações e sóbrias incertezas.

Afinal, diz-me qual sol com mais energia e luz que exista,
Não nasce para morrer nas mais tenras tardes, e simplesmente despede-se,
Ao anunciar em côr e brilho, seu próprio renascimento?

Nunca. Nunca desista do que acredita.

.

…assim como não desistirei. Penso nisso tudo como uma pausa para, enfim, haver um recomeço. shell-32x32